segunda-feira, 8 de junho de 2009

Inter e Corinthians - Tecnico ganha Jogo?

Chegaram a final da copa do Brasil dois dos melhores times do país na atualidade, a despeito de uma onda positiva que trás um leque de bons times pelo país e craques em numero poucas vezes visto nos últimos anos em gramados tupiniquins.



O Internacional de Nilmar, Tyson, D`Alessandro e grande cia jogando o fino da bola representa o que há de bom dentro das quatro linhas e o disciplinadíssimo Corinthians representa o que há de bom a beira do gramado, com volantes que chegam à frente da área para bater em gol e atacantes que desarmam jogadas adversárias no campo de defesa, dando a impressão que o time tem muitos líberos.



Com a prancheta na mão no time colorado temos Tite com sua carreira instável, recebendo dos craques a chance de estabelecer-se como técnico vencedor, no Corinthians a cota de craques é preenchida exclusivamente por Ronaldo (o que não é pouco, diga-se.) mas Mano Menezes conseguiu fazer de um punhado de jogadores um time de futebol e dos bons.



Desconfio que nas mãos de Mano o Inter seria imbatível e que Tite no Corinthians não faria o mesmo sucesso de Mano, tornando a final que se aproxima inviável. O Corinthians só será batido pelo Inter caso os talentos individuais colorados, num lance mágico, rompam a aplicação tática do alvinegro, o que Nilmar provou a poucos dias não ser assim uma tarefa impossível.


A constelação colorada coloca o Inter na condição de favorito em qualquer competição e o quarto melhor técnico do mundo tem em seu retrospecto um respeitável trunfo para colocar em evidencia uma das mais antigas polemicas do futebol:



Técnico ganha jogo?




Estes jogos finais da copa do Brasil despertam sem duvida o interesse das multidões, mas uma duvida angustia torcedores pacatos no Rio Grande e em São Paulo.


Devo levar minha família para ver o jogaço?


Definitivamente a resposta é não!


Os bandidos travestidos de torcedores ameaçam os amantes do futebol e o próprio espetáculo. O visitante ser de outro estado e com carga reduzida de ingresso já não garante a paz. Acho ridículo este negocio de limitar ingressos para o visitante mas não resta duvida que se faz necessário. O temor é que o futebol fique tão caro que volte a ser exclusividade das elites ou torne-se um espetáculo exclusivo da televisão. As autoridades brasileiras mostraram-se incompetentes em erradicar a violência dos estádios e até a copa do mundo fica ameaçada na atual conjuntura.


A morte de um torcedor por ocasião da briga interestadual no jogo Vasco vs. Corinthians deixa o alerta ao cidadão de bem:



Não leve seu filho para morrer num estádio. Cobre as autoridades competentes, peça uma pizza e assista ao espetáculo pela tv. Sua sala de estar, por mais humilde que seja, sem duvida é mais confortável que nossos estádios, seu carro está muito mais seguro em sua garagem e com sorte os vândalos nem descobrirão seu endereço para espancá-lo por conta de uma escolha que deveria ser motivo para entretenimento.


Publicado originalmente em Cidadão Quem?:


domingo, 7 de junho de 2009

Alcançando Lula - O dia que Diogo Mainardi foi longe demais.




O humor e a inteligência de Diogo Mainardi são formidáveis, mas o que levou Mainardi ao estrelato foi à primazia em “tacar” pedras em Lula enquanto todo mundo ainda o tinha em alta conta ou no maximo não viam o homem como ameaça.

Ser o precursor da critica veementemente anti-Lula na imprensa lhe rendeu louros e fama, até os petistas ávidos por revidar os ataques contribuíram para seu sucesso. Acho mesmo que descobriu um filão que abriga seguidores como Reinaldo Azevedo, o criticador geral da republica. Tudo isto só foi possível por que nosso presidente realmente fez por onde merecer cada linha escrita pelo colunista de Veja. É impossível que se cobre retratação de Mainardi neste tema e só errou na previsão de que Lula não terminaria o mandato.

Pois bem, na edição 2116 (10 de junho de 2.009) nosso bravo escritor aventurou-se por mares mais agitados, tudo bem que Lula não foi o único presidente criticado por ele, mas até a ultima edição de veja era sem duvida seu alvo mais notório e todos os outros mereceram ainda mais as palavras afiadas de Mainardi.

Nesta edição o colunista atacou duramente o presidente Americano Barack Obama por conta de seu desempenho no oriente médio, chamando o homem mais poderoso do mundo de Asno, talvez pela primeira vez na imprensa tupiniquim. Diogo Mainardi achou o discurso de Obama absurdo e criticou o tom pacifista como está acostumado a fazer com as falácias de Lula.

Acho que o colunista esperava que Obama chegasse num parlatorio mulçumano e mandasse de bate pronto: “Seu filhos de umas putas! Nós vamos dizimar seu povo, estuprar suas mulheres, roubar seu ouro e dominar seus campos de petróleo!”

Diogo não levou em consideração que presidentes americanos não quebram o protocolo a três por quatro e o discurso feito por Obama foi preparado com meses de antecedência, sendo aprovado por diversos setores do governo antes de chegar em suas mãos, pode até ter dado seu toque pessoal ou permitido a seu Ghost Writer uma ou outra maquiagem, mas até o Salaam Aleikum deve ter sido muito bem ensaiado para soar agradável a seus ouvintes.

A investida americana no oriente médio pode até ser uma iniciativa pessoal do presidente, mas os esforços alocados na empreitada colocam o presidente como um ícone que represente toda a programação por trás de quem vê.

Com esta critica sem pé nem cabeça Mainardi pode cobrar para si a primazia de bater no presidente americano, mas desconfio que sua nova frente de batalha dará muitos tiros n´água. Tudo bem que Obama é o primeiro negro presidente dos Usa o que pode guardar alguma semelhança com o primeiro presidente operário do Brasil, já que os negros estão para a elite americana como os operários estão para a brasileira, mas Obama não é apedeuta e nem chegado a metáforas e compreende muito bem o papel de cada palavra num discurso preparado para abrir os corações e mentes do oriente médio para a “voz” da América, bem ao contrario de Lula e (veja só!) Diogo Mainardi ao que parece.



Postado originalmente no blog Pindorama Press

sexta-feira, 5 de junho de 2009

O Dia do Meio Ambiente

Hoje assistindo a um documentário no canal HBO, sobre os problemas

no mundo e o meio ambiente, ouvi uma frase de um velho índio americano:

- A Terra não nos pertence, nós é que pertencemos a ela.

Grande Verdade!

Como entender as consequências a longo prazo de nossos erros praticados

contra a natureza se apenas enxergamos o que esta a nossa volta?

Semana passada lendo o comentário feito por um colega num tópico de uma

comunidade sobre aquecimento global fiquei perplexa:

- Não acho que é culpa do homem esses problemas de aquecimento, são fenomenos

normais que ocorrem em milhões e milhões de ano no planeta etc...

Então ta .

Tem também aqueles que dizem:

-Se a temperatura subir 2 ou 3 graus não tem problema. O que pode ocorrer?

O desaparecimento de algumas espécies, nada mais.

E por aí vai essas pérolas do dia-a-dia. Isso quando o sujeito ainda pensa no

assunto, porque a grande maioria não encontra tempo para tal.

Sei que é muito difícil pensar longe, pensar em coisas talvez nem vamos ver.

Mas é bom lembrar que assim como fazemos qualquer coisa para sobreviver, a Terra

também fará independente do nosso orgulho em acharmos, como disse o velho cacique,

que ela nos pertence.

Penso que o ideal seria comesarmos hoje a fazer de todos os dias o Dia do Meio Ambiente.


[FERRIS] Quando se diz... na verdade se quer dizer...

Numa das tantas comunidades que participo, vi um tópico onde se iniciava um debate sobre alguém que quando diz: "Tenho pena de você", na verdade está externando sua raiva...
 
pois esse tópico me inspirou a fazer mais desses questionamentos... e algumas frases realmente querem dizer outra coisa, para manter minha cruzada anti-hipocrisia (o que não quer dizer que eu não seja um baita dum hipócrita). Lá vai:
 
"Amorzinho, quero voltar porque descobri que te amo" = "Chega de festas, tenho contas a pagar e o meu cartão estourou"...

"O problema não é você, sou eu" = "To querendo te mandar pastar e não sei como fazer isso sem ouvir que sou um calhorda e ficar sem comer as tuas amigas"

"Você não morre tão cedo = tava aqui falando mal de você e fui flagrado..."
 
"Somos pessoas adultas, sabemos o que fazer da vida" = "Pô, vai ficar regulando pra dar?"
 
"Podemos sair sim, mas vou levar uma amiga, pode ser? = Vamos sair, você vai pagar tudo pensando que vai me comer e depois eu vou pra casa"
 
"Pode dizer, eu tô gorda né? = Concorde comigo e você está morto"
 
"Não tem problema amor, eu nem queria esse sapato = 1 mês sem sexo"
 
"Nunca na história desse país se teve um governo tão bom" = "Senta, deita, dá a patinha, finge de morto... isso... bom garoto... toma aqui uma bolsinha família..."
 

DIANTE E DEUS.

O Soldado colocou-se de pé e ficou diante de DEUS,
pronto para última inspeção pela qual teria que passar,
desejando que, assim como a fivela do cinto e os emblemas de metal,
também os seus coturnos estivessem a brilhar.
Um passo a frente, soldado!!!!
Como vou fazer contigo ?
Fostes fiel à Igreja ?
Destes o outro lado da face ao inimigo?
O soldado se perfilou respondendo: “ NÃO ! NÃO SENHOR!
Nós que andamos armados, nem sempre podemos ser amor!
Na maioria dos domingos, eu estava de serviço, na igreja não fui não Senhor...
Em muitos momentos, eu falei de modo impuro...
Houve muitas vezes em que fui violento, pois meu mundo é muito duro...
Mas nunca guardei um tostão que a mim não pertencesse...
E quanto mais uma conta se acumulava, aos trabalhos extras eu me dedicava, e de minha família me afastava...
Mas às vezes, SENHOR, me perdoa, eu chorei por coisas à toa, e por dores dos outros. Reconheço que não mereço ficar entre os que já estão em seu meio;
que jamais me quiseram por perto, a não ser quando sentiram receio...
Se tiver um lugar para mim, como nunca consegui muito mesmo, luxuoso não precisa ser.
E caso não haja nenhum, eu saberei entender”...
Faz-se silêncio em redor do trono, onde os Santos passeavam.
E o soldado esperou, o veredicto do SENHOR...
e Deus disse:
Teu corpo serviu com alma e coração...
fez-te escudo para o próximo...
Portanto, anda em paz pelo paraíso...
INFERNO já foi tua missão...

[FERRIS] Quem disse que o Brasil não educa?

Pois hoje vendo nos telejornais, a matéria onde o pai ensina o filho de 4 anos e a sobrinha de 2 anos a torturar, roubar e matar vítimas de assalto ou sequestro, fico me perguntando quem disse que aqui não temos a cultura da educação?
 
Pois é, todo bom pai passa o ofício da família aos seus rebentos... a profissão do cara é ladrão e assassino, portanto, só poderia repassar isso às crianças...
 
Esse é um pai 'honesto' com seus princípios... não é um demagogo pelo menos...
 
Quantos hipócritas temos ensinando na nossa sociedade? Uma porrada... pregando moral de cuecas cagadas e arrotando santidade...
 
Quantos pais pregando a homofobia e que quando não tem ninguém vendo dão uma voltinha pelo ponto das travecas pela cidade?
 
Quantas mães adornando a cabeça dos maridos que acham que as filhas têm que ser santas?
 
Não estou aqui defendendo o bandido lá da primeira linha escrita, muito pelo contrário... por mim ele seria pendurado pelas bolas numa árvore e deixado mofando por lá...
 
Minha indagação mesmo é: SOMOS REALMENTE HONESTOS COM NOSSO PENSAMENTO OU SÓ PASSAMOS O 'SOCIALMENTE CORRETO' AOS NOSSOS FILHOS?
 
Não prego que pais devam repassar seus vícios e defeitos aos filhos... longe disso... só me pergunto mesmo é quem de fato tem moral para ensinar alguma coisa?
 
Ainda dou de cara com a nova 'educação' bolivariana a ser implantada, como já comentou o colega do blog... aí vejo que a coisa não tá parecendo que vai melhorar...
 
Caminhamos a passos largos para um processo de imbecilização em massa, e, pelo visto, o socialmente correto nem sempre é o que é realmente correto...
 
Paremos logo com esses: "eu fumo mas não trago", "dou a bunda mas não sou gay", "não sou puta, sou artista" e outras besteiras similares e vamos de uma vez tratar os fatos de frente e como eles são!
 
Essas margens a interpretações dúbias é que fodem com todo e qualquer processo... temos que ser mais maniqueístas... mais preto ou branco... esse lance do 'cinza' é o ponto onde vira esculhembação...
 
O que é pior, uma pai ensinar o filho a roubar e matar, ou entregarmos todo santo dia nossas crianças em escolas para elas aprenderem a ser massa de manobra, ou acéfalos seguidores de legisladores e governantes mal intencionados?
 
Sei lá, pensar que um assumiu a 'profissão' e saiu do armário e os demais preferem acreditar que no fim das contas é melhor assim...

Quem pode, pode!

QUERIDOS AMIGOS, Entre tantos assuntos importantes ultimamente, um, vem ocupando as primeiras páginas dos periódicos, e as chamadas dos telejornais... O assunto "milícia". Toda vez que há um espaço vago, "alguém" ou "algo" toma conta !! Se um pai não dá a devida atenção à educação de seus filhos, corre o nefando risco de que as más companhias, ou o tráfico o adote. Se um marido não dá a devida atenção à sua consorte, não cumpre com as chamadas "obrigações", o que na minha obrigação, deveria ser um "prazer", abrirá uma brecha grande para a entrada em cena de aproveitadores de ocasião, os chamados "Ricardões". Na Segurança Pública, meu amigo, não é diferente !!

Mas gostaria antes de tudo, deixar claro que, apesar de ser policial, não pertenço ou compactuo com qualquer milícia que seja. Conheço alguns milicianos, ex-policiais, e vivo em um local aqui no Rio de Janeiro, graças à Deus em paz.
Meus amigos, durante muito tempo, recebi como expectador, tudo o que vinha da mídia, escrita ou televisada, sem questionar. Em minha casa, com meus pais, o "Jornal Nacional" era algo próximo do "sagrado"... E o Jornal "O Globo", fonte de todo o conhecimento !! Até que descobri, em uma ocasião em que eu me encontrava diretamente envolvido, que a mídia brasileira, leia-se Organizações Globo, detinha o "Quarto Poder" no Brasil. E infelizmente, o manipulava da forma mais vil, covarde e "dantesca" !! Ao seu bel-prazer, a mídia brasileira é capaz de criar mitos, (vide Fernando Collor!), destruir mitos, (vide Fernando Collor!), de informar, formar e deformar todo e qualquer tema, assuntos importantes, que deveriam ser trazidos ao povo brasileiro de forma imparcial e cristalina.

No caso da "milícias", a cobrança pelo combate às mesmas, se intensificou após o seqüestro e tortura de jornalistas cariocas, algo vil, cruel e covarde, que todos devemos repudiar.

Mas aí eu pergunto, seria de hoje a existência das "milícias" ?? Claro que não, meus amigos !! E se é tão vil e diabólica como querem "pintar" os órgãos de imprensa, porque não se cobrou antes uma ação efetiva das autoridades ?? Que eu saiba, as "milícias" começaram a atuar no Rio de Janeiro, ainda no início do governo Garotinho, ganhando força no governo de "dona" Rosinha... Portanto há quantos anos ??
Uma outra questão me intriga... No caso dos jornalistas cariocas, porque "necessariamente" seriam policiais os torturadores ?? E por que alguém faria questão absoluta de dizer aos torturados, se identificar aos torturados, se dizendo policiais, se não havia intenção de matá-los ??
MEUS AMIGOS, eu repito, não sou "advogado de milícias", nem partícipe, mas o caso não seria no mínimo estranho ?? Nem se levantou a hipótese do seqüestro ter sido cometido por alguém interessado em culpar as "milícias"... Acertaram de primeira !!

A Secretaria de Segurança Pública, através da Imprensa carioca, vem publicando que já identificou o suposto chefe da "milícia" do Batan, local do cárcere dos jornalistas, que seria um policial civil, lotado na Delegacia da Penha. Mas seria este mesmo o "chefe", ou o "testa-de ferro" ?? Ou seria algum "bucha", escolhido para dar uma pronta resposta à Imprensa, ávida por soluções "Hollywoodianas", principalmente quando à interessa ?? E se for comprovada a culpa deste policial, ele não pode ser taxado de policial, ou miliciano... Aí é bandido mesmo !!

MEUS AMIGOS, diz-se que a ''milícia"cobraria um suposto "ágio" na comercialização e entrega de botijões de gás, cobraria uma suposta taxa de comerciantes locais, e de moradores. Como fiz questão de salientar no início de meu humilde tópico, as "milícias" estão entrando o Poder Público não vai... E em alguns casos, nunca foi !! Se você gritar "Polícia" em Copacabana, apareceram "trocentas" viaturas em seu socorro...
Agora experimente pedir uma viatura no Lote XV, na Baixada Fluminense...
A "milícia" pode até ser um "câncer"...

Mas pergunte às pessoas residentes em áreas dominadas por milicianos, se elas preferem a saída da mesma, e a consequente volta do tráfico... Duvido !! O que acontece, é que, estas pessoas infelizmente, não têm voz na mídia, e a bem da verdade, nem interessa às autoridades que tenham.

Quanto ao suposto "ágio" na comercialização do gás de botijão, um adendo... Se você pede ao "Delivery-Habbib’s" para levar à sua residência (5) cinco esfihas de queijo, ao preço de R$0,69, pagarias algo em torno de R$3,50, correto ?? Errado !! O Habbib’s te cobra uma taxa de R$4,90 para te fazer a entrega. Então eu te pergunto: Por que a "milícia" não pode cobrar R$3,00 para entregar o botijão em sua casa, com todo conforto, rapidez (são motorizados), e ainda instalá-lo com toda segurança?? Ademais, se você quiser, pode ir ao depósito, e retirá-lo por R$29,00, colocá-lo nas costas, e levá-lo para sua casa... Ninguém o impede!! Daí a chamar a taxa de entrega motorizada de "ágio", há uma distância muito grande, não é ??

MEUS AMIGOS, isso não é divulgado, não interessa que você saiba, mas algumas Comunidades, hoje dominadas por "milícias", viveram anos sob o jugo do tráfico, tráfico este, que submetiam os moradores às suas vontades, aos seus desmandos, determinando "toques de recolher", e humilhando pacíficos e ordeiros trabalhadores, moradores da favela. Conheço casos, onde chefes de família eram obrigados à entregar suas filhas, adolescentes ainda, aos "donos" dos morros, sob pena de não viver tempo suficiente para vê-las crescer.

Em tudo isto, queridos amigos, há um "pano de fundo" que vai além da cobrança na comercialização de gás por parte dos milicianos, ou da suposta cobrança de taxas à comerciantes locais, por segurança, segurança esta que deveria ser dada pelo Poder Público... A questão maior, reside na DISTRIBUIÇÃO DO SINAL DE TV A CABO, o chamado "GATONET", pirateado a módicos R$30,00, em qualquer favela do Rio de Janeiro, ou Comunidade gerida pela "milícia".

Abrindo outro parêntese, gostaria de também de deixar claro, que não sou beneficiado por tal prática.
Sou assinante da TV a cabo Sky Net, , há (13) treze anos, e meu plano de tv a cabo digital, incluem (3) três pontos independentes, que abrangem entre outros canais, todos os Tele-cines, HBO.

Amargando prejuízos, sobre prejuízos, visto que seus equipamentos são importados, a tv a cabo , viu-se em um grande problema nos últimos tempos, pois perdeu clientes para os "piratas" do "gato-net". E como afiliada às Organizações Globo, o problema bateu às portas da família Marinho, que não gosta, e nem aceita prejuízos com ''bom humor". Daí o "aperto" no Poder Público, onde o Governante aperta o Chefe de Polícia, que aperta seus Delegados, e Comandantes de Batalhão, que apertam seus comandados no combate às "milícias"... O resto, ou seja, a propagando negativa, fica por conta dos órgãos de Imprensa.
MEUS AMIGOS, em tudo isto, engana-se quem, em sã consciência, imagine que alguém esteja preocupado com o "poder das milícias" nas Comunidades e seus efeitos... A questão é muito maior, muito mais abrangente... É a mesma, e sempre será a mesma....
...DINHEIRO !!!!!!!!!!!!!!

"Para manipular de maneira eficaz as pessoas é necessário fazê-las crer que ninguém as manipula"

[Galbraith]

Terceiro mandato - A bolivarização do Brasil.


O deputado Jackson Barreto (PMDB-SE) conseguiu nesta quinta-feira (4) 176 assinaturas válidas para iniciar a tramitação da nova proposta de emenda à Constituição (PEC), que permite um terceiro mandato para quem exerce o poder Executivo (presidente governador e prefeitos).


Barreto já havia apresentado a proposta na última quinta-feira (29), com 183 assinaturas válidas. No entanto, 17 deputados retiraram os nomes e a proposta foi devolvida ao autor por falta do número mínimo de assinaturas necessárias.


Este vai e vem da tal proposta, dá mostras de ser uma coisa articulada. Avança um passo hoje retrocede um amanhã e adianta-se em mais dois passos depois, até que a proposta passe e fique a impressão de que nada se pode fazer para evitá-la.

A envergadura do autor da emenda já é um sinal claro de movimento muito bem calculado, o inexpressivo congressista parece ter sido escolhido a dedo, de forma a não deixar que o ônus de tal medida sobrecarregue a imagem dos realmente interessados em um terceiro mandato.

Alias, inexpressivo não parece ser um termo adequado, já que é possível encontrar bastante noticias sobre nosso nobre parlamentar.

Correio de Sergipe 16/09/2006

O deputado federal e candidato à reeleição, Jackson Barreto (PTB), vem se destacando negativamente na imprensa nacional como um dos parlamentares da Câmara Federal, da atual legislatura, que mais teve seu nome relacionado em ocorrências na Justiça e nos Tribunais de Contas. Segundo o site Transparência Brasil (www.transparencia.org.br), o petebista possui contra si quatro ações penais e cinco inquéritos no Supremo Tribunal Federal (STF), acusado de diversos crimes contra a administração pública, como peculato e desvio de verbas na construção de obras públicas, quando era prefeito de Aracaju.

Blog de Itamar Santana (PPS) em 04/05/2009

O senador Almeida Lima (PMDB) revelou hoje (4), durante entrevista ao radialista Gilmar Carvalho, na Ilha FM, que o deputado federal Jackson Barreto (PMDB) foi a Alagoas pedir recursos financeiros para uma de suas campanhas eleitorais ao então governador Fernando Collor de Mello e ao senador Renan Calheiros.

Segundo Almeida, o ex-vereador Marcélio Bonfim acompanhou Jackson em sua visita a Collor e Renan.

O senador não soube dizer qual foi à campanha eleitoral de Jackson que teve recursos dos políticos alagoanos.

A revelação de Almeida foi uma resposta às críticas de Jackson à sua aliança com Renan Calheiros.

2010

Sobre as eleições de 2010, Almeida disse que pode ser ou não candidato e que não está preocupado em saber se vai comandar o PMDB em Sergipe ou se vai ter que se submeter a Jackson, que preside o partido.

O senador disse que pode apoiar a reeleição do governador Marcelo Déda (PT), fazer aliança com o ex-governador João Alves Filho (DEM) ou não participar das próximas eleições. Fonte www.nenoticias.com.br

***

E quem se der ao trabalho de consultar o google pode ainda encontrar mais informações sobre a carreira política de nosso defensor da bolivarização política do Brasil.

Causa estranhamento às tímidas reações da mídia e da oposição, não existe uma mobilização inequívoca contra a mudança de regra no decorrer do jogo.

Isto não é saudável para a consolidação da democracia e assusta ainda mais sendo em beneficio de um ícone da luta pela redemocratização. Muita gente tem motivos de sobra para ganhar com o tal terceiro mandato, até na oposição, mas o povo certamente perderá com mais esta manobra. FHC chegou ao poder, gostou e articulou a re-eleição, Lula criticou, mas chegou ao poder gostou e pleiteia sorrateiramente a re re-eleição e a cada novo presidente com apoio da opinião publica vai esticando-se o mandato até que sem que o povo se dê conta teremos um ditador no poder, com eleições tão validas como as cubanas.

Todos os paises onde um só partido ficou no poder por muito tempo, pagou preço altíssimo por isto, como pode ser conferido no Paraguay e no México. As instituições deterioram-se, a corrupção torna-se institucional e a maquina publica é privatizada em favor de um grupo e em detrimento do povo.

No Brasil, que se pretende o carro chefe da América Latina, o processo é ainda mais perverso, já que não existe identificação popular com partidos e ideologias políticas, mas o poder é personificado na figura do presidente da republica, elevando ainda mais o risco de um ditador populista aboletar-se no poder indefinidamente.

Fica aqui o protesto e o apelo para os "amigos" do terceiro mandato, que mostrem suas caras, já que o autor da PEC não tem peso politico para angariar 170 adesões nem para churrasco beneficente de fim de semana.


Postado originalmente no blog Pindorama Press

quinta-feira, 4 de junho de 2009

[FERRIS] Capas mais toscas do mundo

O "Planeta Bizarro" do G1 da Globo divulgou algumas das capas de LP's. Eu resolvi comentar algumas das mais toscas...
 
Notem que eles parecem estar em um episódio do South Park, o Satan é igualzinho, só falta o Saddan... E a mensagem é linda: "Satã é real..." e o nome dos caras "Os irmãos que amam"... quem avisa amigo é...
 
Olha, não sei se é parente do Michael, mas me parece uma capa totalmente honesta, afinal, ao fazer esse disco, ela fez uma grande merda mesmo... a foto deve ter sido no momento da 'inspiração'...
 
"Sons para cães gays..."???? Olha, a julgar pela foto, tá mais me parecendo um caso de zoofilia... Quem não gosta desse tipo de capa seria um "Zoohomofóbico" por acaso???
 
Essa capa pode ter várias interpretações... O "O" entre o 'man' e o 'war' deve nos passar uma noção de como anda a rosca do pessoal por lá... Seria uma versão medieval do Village People?
 
Um caso clássico de pedofilia misturado com antropofagia... o cara é um canibal pedófilo... PORRA, como é que não esquartejaram esse cara ainda?
E o pior é que era pra ser música para acalmar crianças rebeldes... imagina só, é a versão americana de 'boi da cara preta'... ó filhinho se você não dormir eu como você... AFFF...
 
Bom... essa dispensa maiores comentários... suruba com os amigos do "Chucky, o boneco assassino" e o 'Variedades' dos GlobeThrotters...
 
Essa é a primeira versão da Susan Boyle. Para ver como outras barangas já faziam sucesso no mundo da música... Fica o conselho: se você é feia pra caralho e não pode ser modelo nem de catálogo em braille, vire cantora...
 
"Walking and dreaming" é o nome do disco... "caminhando e sonhando"... sei lá... acho que... ah, foda-se o politicamente correto: TU É GAY, TU É GAY QUE EU SEI!!!! Devia se chamar "Sons para cagar pra dentro"... sucesso nos novos banheiros para transgêneros a ser implantado...

quarta-feira, 3 de junho de 2009

[FERRIS] Eu, eu mesmo e o dragão...


Eu tenho uma tatoo de dragão na parte superior do braço esquerdo. Esse dragão que já me acompanha por alguns anos, volta e meia resolve se manifestar durante o dia. Geralmente ele não tem muita paciência por certas coisas... costumo até dizer que ele toma conta dependendo da situação...
Isso aconteceu a uns anos atrás quando eu ainda trabalhava como suporte de informática em uma multinacional aqui em Porto Alegre.
Era quase 18h de uma sexta-feira quente pra caramba. Eu ainda solteiro, contava os minutos para ir embora e cair na noite. A noite anterior já tinha sido alongada e eu começava a piscar os olhos quase caindo no sono... aí a porta da sala se abre bruscamente e o meu chefe sai lascando:
- E aí tchê, tô atrapalhando o sono? Tá precisando de mais alguma coisa?
E aí começa a conversa entre 'nós 3'...
-O Dragão: Sim, que tu tenha um ataque cardíaco e morra...
-Eu mesmo: Um aumento e um teclado 'Contour Pillow' com capa anti-baba por favor...
-Eu: Não, tudo bem, estou terminando o backup
- Ele: Então te liga aí que o horário não acabou...
- O Dragão: Não acabou e nem a tua próxima frase acabará se tu continuar falando...
- Eu mesmo: É claro, esses últimos 2 minutos serão fundamentais para eu descobrir a cura do câncer...
- Eu: Tudo bem, vou aproveitar para organizar a minha mesa...
O cara sai, batendo a porta e, provavelmente, toma o rumo de estacionamento enquanto eu fico...
1 minuto para as 18h... uma ponta de sorriso começa a se manifestar quando...
O telefone toca para o meu desespero... não ia atender, mas vi que havia gente passando pelo corredor e não daria para eu sair desapercebido...
Atendo de olhos fechados rezando para ser engano...
- A voz: Oi é do suporte?
- O Dragão: Sauna Cowboys boa noite...
- Eu mesmo: Não você ligou para o RH e hoje estamos com promoção para demissões voluntárias...
- Eu: sim, boa tarde, em que posso ajudar (batendo com a palma da mão na testa).
- Oi, aqui é a Rose, eu preciso de ajuda...
- O Dragão: Sim, psiquiátrica sua débil mental...
- Eu mesmo: Então liga pro centro de valorização da vida então fia...
- Eu: Pois não...
- Eu estou tentando gravar um disquete para levar para casa e tá dando um erro...
- O Dragão: O erro aconteceu no dia em que o teu pai comeu a tua mãe...
- Eu mesmo: Legal, mas a minha bola de cristal tá sem pilha...
- Eu: Tu poderias me ler o erro que aparece na tela, por favor?
- Está em inglês... o meu inglês não é lá essas coisas...
- O Dragão: A tua cara não é lá essas coisas...
- Eu mesmo: Tu mal e porcamente fala português... seja o que Deus quiser...
- Eu: Sem problemas, leia para mim...
- 'Dêêêê diiiisquiii is fúúúúl, plííííz inséééérti ân êmptiiii disquiiii...'
- O Dragão: Ela disse que era em inglês... mas tá lendo em mandarim...
- Eu mesmo: Alguém chame um médico, ela tá enrolando a língua...
- Eu: Ok. É que o disco está cheio. Tu deves formatar este ou então inserir um vazio...
- E só isso?
- O Dragão: Não. O ideal seria formatar o teu cérebro, ô infeliz...
- Eu mesmo: Rááááááááá!!! Pegadinha do Mallandro...
- Eu: Com certeza...
- Ah bom... e como eu formato um disco?
- O Dragão: Tu consegue mascar chiclé e respirar ao mesmo tempo?
- Eu mesmo: Tu deve tá dando pra alguém do RH pra ter conseguido o emprego...
- Eu: Vá no explorer, clique com o botão direito do mouse sobre a unidade A e escolha a opção "Formatar"...
- E isso vai funcionar?
- O Dragão: Não, se existe um Deus esse comando fará a porra do computador explodir sua mula!
- Eu mesmo: Sim ,vai formatar o disco, massagear as tuas costas e te servir um cafezinho...
- Eu: Com certeza...
- Então tá, qualquer coisa eu te ligo novamente...
- O Dragão: Só se tu conseguir fazer isso à velocidade da luz...
- Eu mesmo: Tô indo, do verbo já fui!!!
- Eu: Sem problemas...
- Ok, muito obrigado então...
- O Dragão: Vai tomá no cu sua anta estúpida...
- Eu mesmo: Vai tomá no cu
- Eu: Boa tarde e bom fim de semana...
Eu desligo o telefone e o computador com um chute no estabilizador e saio correndo porta afora...
Entro no elevador como se fugindo de matadores e aperto o botão do térreo, suspiro aliviado...
- O Dragão: Ô idiota, tu pegou o vale pro fim de semana?
- Eu mesmo: Ah nãããããããooo!!!!!!
- Eu: Puta que me pariu... vou voltar lá pra pegar...
- O Dragão: Só com duas uzis...
- Eu mesmo: Nem podendo, meu pilho...
- Eu: Azar, vou tomar cerveja vencida na casa do pai de novo...

[FERRIS] Mortes & Mortes


Pois bem, tantas notícias sobre o mais novo acidente aéreo no Brasil e eu assistindo durante o almoço. Aí me surgem aquelas indagações internas... provavelmente o id e o ego em debate...

- Porque os jornais durante o almoço só passam desgraceiras? -

- Porque eu ainda assisto isso e não coloco no Discovery Kids ou no Cartoon Network? -

Então, pra essas perguntas ainda não achei respostas... talvez seja para eu poder me nutrir de desgraceiras suficientes para depois poder escrever sobre isso...

E aí, depois disso, ao ver as homenagens que começaram a prestar às vítimas me invadem outras dúvidas...

- Um vôo internacional destes, cheio de pessoas importantes, obviamente, terá muito mais apelo da mídia do que se tivesse caído um teco-teco em cima da venda do seu Zé...

Eu me emocionei vendo a homenagem ao maestro morto... aí, mais uma indagação:

- Sou realmente uma criatura controversa... pois eu me emociono e me compadeço com essas mortes sem sentido, onde pessoas foram deletadas da vida sem nem passar por um filtrinho anti-spam (ou anti-olhodocuzice). Pois é... voltou com tudo a boa e velha pergunta: "Com tanto filho da puta no mundo, porque sempre morrem as pessoas de bem?". Na mesma maneira que estou aqui lamentando essas mortes, gostaria de estar comemorando outras, do tipo, os bandidos que mataram a menina de 8 anos no condomínio, ou nos caras que chacinaram uma família com crianças e uma mulher grávida, alguns políticos, pagodeiros, emos, enfim...

Não dá pra me entender mesmo... eu deveria me decidir... ou eu respeito a vida humana e lamento todas as mortes desnecessárias ou eu parto pra tosqueira e começo a comemorar o esvaziamento do mundo em larga escala, pois só assim a terra sofrerá menos com a sanha cancerígena por recursos que a nossa espécie tem...

Mortes em larga escala fazem bem à ecologia...

Ah, sei lá... talvez eu deva realmente começar a ver mais Cartoon Network e menos Globo News...

Welcome to Paradise!

Olá champs!

Está no ar os Psicophatos!

o blog dos palpiteiros.

Esta postagem, bem como tudo no blog é provisório. Quem manda aqui são os palpiteiros. O blog está aberto a qualquer membro da comunidade.

Para botar ordem no puteiro vamos propor na comu um estatuto do psicophatos.

Quer palpitar aqui também?

Entre no tópico criado na PO e cadastra-se.



O poder é de vocês!


Há braços!